23 de set de 2008

Amazônia tem 24 espécies de plantas ameaçadas de extinção




Amazônia tem 24 espécies de plantas ameaçadas de extinção

Lista foi publicada pelo Ministério do Meio Ambiente.
Relação contém 472 plantas que correm o risco de desaparecer.

Do Globo Amazônia, em São Paulo


O Ministério do Meio Ambiente (MMA) divulgou, nesta sexta-feira (19), uma revisão da lista oficial das espécies vegetais ameaçadas de extinção. São 472 plantas, das quais 24 são nativas do bioma amazônico. Entre elas estão o mogno, a castanha-do-Brasil – também conhecida como castanha-do-Pará – e o pau-rosa.


saiba mais

*
Município que mais desmata sofre com ação dos ‘sem-tora’
*
Produtos da floresta ajudam a manter a mata em pé
*
Eleição faz governantes ‘afrouxarem’ fiscalização na Amazônia, diz Minc
*
Árvores em extinção se transformam em postes de cerca em MT

A região mais ameaçada é a mata atlântica, com 276 espécies, seguida pelo cerrado, com 131, e pela caatinga, que tem 46 vegetais em perigo. A lista é quatro vezes maior que a anterior, publicada em 1992, que reunia 108 espécies. Nenhuma planta que estava ameaçada de extinção nessa época saiu da lista.

De acordo com nota publicada pelo ministério, o aumento das espécies ameaçadas se deve à pressão exercida pelo homem sobre as florestas e ao maior conhecimento científico sobre a flora brasileira.

O primeiro efeito prático da publicação da lista é a proibição da coleta desses vegetais. A partir de agora, qualquer manuseio dessas espécies tem que ser autorizado pelo Ibama. O MMA também anunciou que planejará, nos próximos cinco anos, ações para que essas espécies deixem de ser ameaçadas.



Desentendimento


A elaboração da lista de espécies em extinção foi encomendada pelo governo à Fundação Biodiversitas, uma ONG especializada em realizar estudos sobre a conservação da fauna e da flora. De acordo com a fundação, 290 biólogos trabalharam na elaboração da lista, que foi entregue no final de 2005 ao MMA, e continha 1495 espécies ameaçadas, das quais 60 pertenciam à Amazônia.

A relação publicada nesta sexta-feira, contudo, relaciona apenas um terço dessas plantas como ameaçadas de extinção. A justificativa do ministério é que não há informações científicas suficientes – dados como distribuição geográfica e riscos sofridos – para classificar as espécies restantes como ameaçadas de extinção. Elas foram relacionadas no documento oficial em uma lista à parte, onde são descritas como “com deficiência de dados”, e não estão sujeitas às restrições impostas às outras espécies.

Em nota divulgada à imprensa, a Biodiversitas afirma que utilizou no estudo os critérios da IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais), que são internacionalmente aceitos, e que não reconhece a lista oficial. “A nova lista de plantas ameaçadas de extinção no Brasil não corresponde à lista indicada pela comunidade científica brasileira, coordenada pela Biodiversitas”, diz o documento.
pelo amor de deus gente vamos parar com isso....
fonte:globoamazonia

16 de set de 2008

lições de um mundo Carente.....!!!


É engraçado quando vemos uma pessoa, simpatizamos com ela, e simplesmente aderimos a ela, Assim sou eu com vc , um amigo que queria muito estar perto de vc, na alegria ou na tristeza, sempre, te fazendo carinho, aconselhando ou mesmo sendo uma pessoa especial na sua vida, se nos conhecêssemos tenho certeza que alguma coisa boa daria, por quê me identifico muito com vc, não só pelo seu corpo de borboleta, que diga-se de passagem é lindo como um voar de um borboleta exuberante colorida, más por vc mesmO, pela simpatia que vc me aceitou fazer parte da sua vida, pela educação que nota-se que tem, e mais que tudo, pela PESSOA que vc demonstra ser, muitos com certeza queriam ao menos tentar ser algo especial prá vc, espero que vc continue assim, linda, simples, e uma pESSOA que tira meu fôlego!!!
É prá vc , uma homenagem que sei que vc merece, de seu amigo e admirador vuador!!!
DIGUUU BOBOLETTU
P.S
lindo né .....e nós nem se importamos com a natureza,imagina se todo mundo fosse assim com o mundo ...seria tão Mais façil....

Nós devemos colocar nossos sentimentos antes de mais nada e não ser mediocres de não perceber que podemos começar a CoLABORAR...VEJA O GLOBO AMAZONIA...VC VÊ Lâ QUE TEM DIAS QUE AS QUEIMADAS E AS RETIRADAS DE MADEIRA ESTÃO MENORES PELA AJUDA DO POVO QUE ESTÁ ALÍ COLABORANDO E DENUNCIANDO E COM ESSA TECNOLOGIA COM CERTEZA TODO MUNDO VAI SE SENSIBILIZAR E VAI AJUDAR.....MEU PROJETO vISA QUE É A MARCA BOBOLETTAS E BOBOLETTUS....tODAS AS EMPRESAS DEVEM COLABORAR COM O MEIO AMBIENTE...SELO BORBOLETA E BORBOLETO PELA NATUREZA, eM PESQUISAS RECENTES DEMONSTRA QUE A FAUNA E FLORA BRASILEIRA()ESTÁ SE ACABANDO PELA POLUIÇÃO,QUEIMADAS E DESMATAMENTO E FORA TUDO O QUE O HOMEM TIRA DA TERRA PARA VENDER SEUS PRODUTOS OU SERVIÇOS,E O QUE ELE PLANTA PARA O MEIO AMBIENTE...LIXO TÓXICO, NUCLEAR,BIOLÓGICO E FORA ENUMERAS COISAS QUE SABEMOS QUE EMPRESAS GASTAM MILHÕES QUE DIZEM QUE FAZEM ALGO PELO MEIO AMBIENTE E NÃO VEMOS,NÃO TEMOS A CERTEZA QUE FAZEM REALMENTE TEM ALGUMAS QUE FAZEM IGUAL A GLOBO QUE VAI ATRÁS E FAZ..POUCAS NÉ...MAS NÃO VEMOS ISSO NEM A CURTO PRAZO E NEM A LONGO PRAZO,CONTRIBUIR E O DEVER DA EMPRESA E VER OS RESULTADOS POSITIVOS COM O QUE COLABOROU E NÃO O LUCRO DA EMPRESA QUE GANHOU AQUELE ANO PARA DEIXAR EM NUMEROS PERDIDOS EM CONTAS NO EXTERIOR,DEIXANDO O CICLO DA VIDA HUMANA TAMBÉM DESTRUIDA PORQUE A POBREZA DEIXA A IGNORÂNCIA DE CADA UM CEGA,SURDA E MUDA,TODO MUNDO SABE QUE FAZEMOS PARTE DO MESMO AMBIENTE E PORQUE DONOS DE EMPRESAS SÓ PENSAM NELES,NÃO PENSAM NÓS FUNCIONARIOS QUE COLABORA COM IMPOSTOS E AINDA AJUDA DE OUTRA MANEIRA O MEIO AMBIENTE SEPARANDO O LIXO,PLANTANDO UMA ÁRVORE OU MESMO CONTRIBUINDO A COMPRAR COM EMPRESAS QUE DESTINAM PARTES A ECOLOGIA E TAMBÉM COM O MEIO AMBIENTE,EMPRESAS PAGANDO BEM ATÉ A PRIMEIRA HIERARQUIA DA EMPRESA E SE PREOCUPANDO COM A SAÚDE,EDUCAÇÃO E O DEVER DE ENSINAR QUE DEVEMOS RETRIBUIR COM NOSSAS RIQUEZAS NATURAIS E NÃO TIRAR TUDO DELA SEM REPOR..POR FAVOR ESSE PROJETO VISA COLABORAR
COM A MATA ATLANTIDA E O CERRADO BRASILEIRO E CLARO A AMAZÓNIA..COLABORADORES DESSE PROJETO QUE COMEÇOU NA UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ NA CONCLUSÃO DE CURSO DE BACHARELADO EM MARKETING QUE AINDA ESTÁ NO SISTEMA DE DESENVOLVIMENTOS E BUSCANDO PATROCINADORES PARA DESENVOLVER UM SISTEMA SUSTENTÁVEL DE QUERER CRIAR LEIS QUE DEVERIA TER LEI SECA PARA MADEIREIROS,PEGA COM TORA DE MADEIRA OU DESMATANDO OU COLOCANDO FOGO, JOGANDO LIXO EM RIOS,POLUINDO DE QUALQUER OUTRO GEITO DEVERIA SER PRESO,IR PARA A CADEIA INAFIANSAVEL E TRABALHAR PLANTANDO ÁRVORES PELO MENOS 20 ANOS PARA REPOR PELO MENOS UMA PARTE DO QUE ESTAVA FERINDO NA NATUREZA.....POR FAVOR LÁ NO SITE VAI TER MUITOS PRODUTOS MAS NÓS VAMOS DESTINAR 30% PARA AS ONG´S QUE CUIDAM DESSE PROJETOS LIGADO AO MEIO AMBIENTE,PESSOAS QUE VÃO ALÉM BUSCAR UMA SOLUÇÃO SEM VISAR LUCROS PARA EMPRESAS E SIM VER O NOSSO FUTURO..POR FAVOR ...SITE AINDA NÃO ESTÁ PRONTO,MAS ESTÁ SENDO MONTADO PARA A SUA MAIOR SATISFAÇÃO...WWW.BOBOLETTASeBOBOLETTUS.COM.BR....OU NO MEU BLOG BOBOLETTASeBOBOLETTUS@BLOGSPOT.COM.BR..
MUITO OBRIGADO ISSO AQUI É SÓ O COMEÇO..!!!!!dÊ aSaS COM ESSE pROJETo!!!

sabê porque ..“BIODIVERSIDADE AMEAÇADA PELO LUCRO FÁCIL”

Estima-se que 10% das espécies do planeta vivam em nossas paisagens. Infelizmente, essas paisagens vêm sendo consumidas por desmatamentos, queimadas e poluição, provocados pela expansão irracional da agricultura, especulação imobiliária, assentamento de populações, exploração de madeiras tropicais e garimpo.

O Brasil não possui recursos naturais inesgotáveis. A Mata Atlântica, que já perdeu 93% de sua área original, é o maior exemplo disso.

A área original era 1.290.692,46 km², 15% do território brasileiro. Atualmente o remanescente é 95.000 km², 7,3% da área original. Essa ocupação predatória, que quase destruiu a Mata Atlântica, agora avança sobre o Cerrado e a Amazônia.

ONDE VAI PARAR ISSO? PROCURE SABER MAIS SOBRE SUA PARTE!

fonte: Greenpeace

11 de set de 2008

ideia genial....essa Globo não tem preço...a melhor com certeza..participe você também..!!!




Globo Amazônia ultrapassa 3 milhões de protestos contra o desmatamento

Em dois dias, mais de 100 mil pessoas passaram a usar o aplicativo.
Mapa mostra devastação da floresta em tempo real.
s manifestações foram realizadas pelos mais de cem mil usuários que instalaram o mapa (veja aqui como fazer). Integrado com a rede social Orkut, o Amazônia.vc permite o acompanhamento, em tempo real, dos focos de destruição da floresta amazônica.



Para quem quer participar ativamente da luta contra a devastação da floresta, o mapa interativo abre espaço para o registro de protestos, que serão utilizados pelo Globo Amazônia como subsídio para a realização de reportagens.



Ranking de reclamações



Desde a estréia, o estado em que mais houve protestos foi o Pará, onde os usuários deixaram 1.485.648 manifestações. Em segundo lugar ficou o Mato Grosso, com 521.994 protestos, seguido de Rondônia, que registrou 425.276 reclamações.

O ranking dos estados nos protestos contra queimadas e desmatamentos é proporcional à destruição das suas matas. No último levantamento divulgado pelo Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), que mediu a perda da floresta em julho, o Pará foi o local onde houve mais desmatamento.

Nesse estado, 236 km² de mata foram retirados em apenas um mês. Mato Grosso ficou em segundo lugar, com 33 km² de florestas derrubadas, seguido pelo Amazonas, onde os satélites do Inpe detectaram 24 km² de destruição.

Amazônia em chamas


Neste momento, há mais de 1900 focos de incêndio na Amazônia brasileira. O número não é uma avaliação ou uma projeção, mas um dado real baseado em acompanhamento por satélite realizado no instante em que este texto é escrito.


Informações desse tipo eram, até agora, de difícil acesso para quem não é especialista na área. Com o portal Globo Amazônia, tudo fica mais fácil. Ele foi desenvolvido pela Globo.com e pela Central Globo de Jornalismo, a partir de uma idéia surgida na redação do Fantástico.

O mapa interativo, chamado de Amazônia.vc, é abastecido continuamente com informações enviadas por satélite para o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Os dados - que são os mais precisos e confiáveis sobre a região - passam por até seis atualizações diárias. Isso significa que é possível, por exemplo, acompanhar um foco de incêndio no momento exato em que ele está acontecendo. E protestar contra isso.




No mapa Amazônia.vc, são apresentados, em uma só tela, os dados de dois sistemas criados pelo Inpe: o Monitoramento de Focos de Queimadas e o Sistema de Detecção de Desmatamento em Tempo Real (Deter).

O primeiro recebe informações de satélites europeus e americanos que rastreiam a radiação emitida pelas chamas. E o Deter mostra os pontos de desmatamento da floresta.



Exemplo mundial


Fotos tiradas por diversos satélites brasileiros e internacionais são analisadas por uma equipe de especialistas do Inpe, que destacam todas as novas áreas derrubadas. É o mais completo sistema de monitoramento de desmatamento do planeta. "O Brasil é exemplo para o mundo nessa área", avalia o geógrafo Dalton Valeriano, coordenador do Programa Amazônia do Inpe.

De acordo com o coordenador, outros países também tentam vigiar suas florestas por satélite, mas nenhum o faz com a freqüência e a precisão do Brasil. "A Rússia diz que faz, mas a comunidade internacional desconfia de seus dados. Já a Índia faz um monitoramento por amostragem, em pontos localizados a cada 10 quilômetros. A Austrália também faz algo semelhante, mas tem muito pouca área de floresta."
acesse.. www.Globoamazonia.com..e ajude tb..!!Parabéns pelo trabalho..denuncie ..esse projeto sempre foi dos meus sonhos!!!pode voar tranquilas borboletas e borboletos..
a AMAZONIA ESTÁ SENDO VIGIADA POR NÓS......UHULLLLLLL